Anuncie Aqui Topo 728x90

Três homens são presos por suspeita de envolvimento em homicídio de investidor de criptomoedas na Região dos Lagos

Wesley Pessano foi morto no dia 4 de agosto em São Pedro da Aldeia.

Por Redação. em 02/09/2021 às 13:13:13

Agentes de delegacias do 4º Departamento de Polícia de Área (DPA) realizam, nesta quinta-feira (02/09), a segunda fase da Operação Pullback, com o objetivo de prender os envolvidos na morte do investidor Wesley Pessano. O crime ocorreu no dia 4 de agosto deste ano, no município de São Pedro da Aldeia, na Região dos Lagos. Quatro pessoas são alvos da ação e três foram capturadas. Os suspeitos presos são: Thiago Julio Galdino, Bruno Luzardo Vidal Sabajes e Valder Janilson Chaves dos Santos.

Ainda em agosto, foi formada uma força-tarefa para investigar o homicídio, composta por agentes das delegacias de São Pedro da Aldeia (125ª DP), Cabo Frio (126ª DP), Armação de Búzios (127ª DP), Iguaba Grande (129ª DP) e do 4º DPA. Três outras pessoas foram presas na época, quando ocorreu a primeira etapa da operação, inclusive, o responsável por executar a vítima. Houve também a apreensão do veículo utilizado no crime.

De acordo com a polícia, a partir de informações obtidas após as primeiras prisões, além do trabalho de investigação realizado pela força-tarefa, foi possível identificar outros envolvidos. Entre os alvos desta quinta-feira estão o homem que conduziu o executor na data do crime, o proprietário de um veículo usado para fazer comboio no dia do homicídio e um suspeito abordado por agentes da Polícia Rodoviária Federal conduzindo esse mesmo carro, ao lado do proprietário. O principal articulador do grupo permanece foragido da Justiça.

Comunicar erro

Comentários